Ensino Fundamental I

Cei Mirassol e o Ensino Fundamental I: aprender a pensar

O princípio filosófico básico que norteia a ação pedagógica do CEI Mirassol, “Ensinar a Pensar”, traduz-se, nos primeiros anos do ensino fundamental I, por Aprender a Pensar – base para a construção da autonomia do aluno. Pensar, embora uma capacidade natural do ser humano, pode ser potencializada na escola por meio de um ambiente educacional que oriente, que dê os rumos e que crie oportunidades para que os alunos desenvolvam uma predisposição para o pensamento reflexivo e crítico.

Essa aprendizagem ocorre de forma gradativa através de um exercício contínuo e interdisciplinar no qual o raciocínio vai e volta, faz e refaz caminhos, possibilitando ao aluno ser autônomo no seu pensar, sabendo discernir entre o certo e o errado, a aplicar o conhecimento construído, a ter ideias novas e a desenvolver uma atitude de reflexão frente às situações problemáticas.

Na prática educativa, cada ano do Ensino Fundamental I desenvolve diferentes projetos de trabalho, que articulam e dão significados aos conhecimentos. Os projetos podem ser quinzenais ou mensais, variando de acordo com a problemática desenvolvida. O percurso dá-se a partir de uma problemática, suficientemente geral, para englobar todos os conteúdos e favorecer a análise, a interpretação e a criatividade.

A avaliação faz parte de todo o processo, numa perspectiva formativa de acompanhamento/regulação do aprender e ensinar, no qual, o erro construtivo está a serviço da intervenção pedagógica(mediação) e não somente de uma pontuação através da sistemática de notas. Nessa perspectiva, acompanha-se constantemente cada aluno, considerando como único, portanto, com ritmos e experiências sócio – históricas diferentes.

Com este olhar, realizamos constantes e atentas observações, registramos e refletimos sobre as experiências individuais e coletivas, vivenciadas nos momentos de construção do conhecimento. Assim, percebemos os desenvolvimentos das crianças quanto aos conteúdos conceituais, atitudinais e procedimentais.

Dessa maneira, o educando tem a oportunidade de participar ativamente da construção do conhecimento, “aprender a aprender”, uma vez que se sente apto a auto – avaliar-se e, consequentemente, explicar dificuldades e solicitar ajuda aos colegas e educadores, bem como a pesquisar em fontes de informação.

 

Conselho pedagógico: Maria Célia Lopes de Andrade
Diretora pedagógica: Corina Amorim
Diretora de unidade: Suzana Cavalcante
Coordenadora Pedagógica: Fabiola Machado Morais
Coordenadora Bilíngue: Patrícia Fernandes
Psicóloga: Érica Lucena
Terapeuta Ocupacional: Leandro Obadowski
Apoio pedagógico em Língua Portuguesa: Terezinha de Jesus Bezerra
Apoio pedagógico em Matemática: Adriana da Silva (Matutino) e Viviane Scarvaci (vespertino)
Inspetores: Ana Cláudia Oliveira e Valmir Costa

MATUTINO

2AM
Cleonete Herculano
Inglês: Aline Pereira

2BM
Augusta Gujev
Inglês: Aline Pereira

2CM
Monalisa Xenia
Inglês: Dannielly Costa

3AM
Andressa Joane
Inglês: Leonardo Dias

3BM
Tatiane Dantas
Inglês: Leonardo Dias

3CM
Alessandra Patrícia
Inglês: Leonardo Dias

4AM
Geovania Bezerra
Inglês: Thaynara Oliveira

4BM
Flavia Santos
Inglês: Thaynara Oliveira

5AM/5BM

Português/LIV
Líneker Trajano

Matemática
Wanielle Daise Cirino

Ciências
Elder Jales

História
Shyrlaine Querino

Geografia
Renata Kissya

Inglês
Thaynara Oliveira

Artes
Juliana Jussara Galvão

Educação Física
Arimateia Ciole

 

VESPERTINO

2AV
Pollyana Paguetti
Inglês: Leonardo Dias

2BV
Idi Carla
Inglês: Leonardo Dias

3AV
Eridan Gentil
Inglês: Leonardo Dias

3BV
Ana Kelita
Inglês: Leonardo Dias

4AV
Tariza Líbia
Inglês: Thaynara Oliveira

5AV
Português/LIV
Líneker Trajano

Matemática
Walielle Daise Cirino

Ciências
Elder Jales

História
Shyrlaine Querino

Geografia
Renata Kissya

Inglês
Thaynara Oliveira

Artes
Juliana Jussara Galvão

Educação Física
Arimateia Ciole

Estagiários:
Jessica Karla
Marília Patrício
Fabiane de Carvalho Santos
Neilha de Azevedo
Ataina Barreto
Plynnea Ellyzama Lima de Barros Honorato